quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

Incompleto

De qualquer modo não consigo de fato compreender toda esta oscilação, não sei ao certo,porem as vezes ate parece que seja uma questão de conhecimento,mas sim, qual tipo de conhecimento? Acadêmico? De vida? Também não me é claro, pois o mais fácil sim seria dizer que uma falta de conhecimento acadêmico é algo terrível para uma convivência,todavia vem de encontro os que possuem todo aquele conhecimento acadêmico e que não dizem nada, claro que tudo isso possa ser apenas uma mera especulação de um incomodo pessoal, mas o que se mostra na real é que de um modo geral todo este incomodo acerca de detalhes de caráter comportamental não afeta a todos, e daí vem, por que me afeta? De primeira resposta certamente ouvirei... porque todos nós somos diferentes, porem não acredito que algo tão entranhado em um contexto social seja culpa unicamente da diferença de apreensão de cada ser.
Então percebo algo muito incoerente entre a informação que a tua formação lhe passa e a tua formação em si, mais uma vez ouvirei as mesmas vozes dizendo... isto é natural,estão na idade de não se preocupar e de não se prender a nada profundamente... mas quando é a hora? Então a mesma “regra” que define a diferença como culpada da indiferença sentida, define também o tempo de maturação exato para cada um, não podendo assim haver maduros que não se sintam com responsabilidade de algo ou os não maduros incomodados com estes detalhes ditos apenas pertencentes aos maduros?
Aqui não estará a resposta para a pergunta anterior, pois se a tivesse não faria sentido escrever todas estas indagações,entretanto aqui estão presentes todas as respostas que eu possa fornecer acerca do assunto abordado pois ainda não entendo essencialmente a diferença ou igualdades entre os grupos mas lhe afirmo não fazer parte de nenhum,todavia não leia tal afirmação como algo positivo também não negativo, apenas um dizer.

3 comentários:

salamandra regis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Carpe.Diem disse...

Parabéns vc escreve bein, continue assim pq sinto que vc tem o corção
lindo e muita coisa ai dentro pra mostrar =)

bjs anjo...se quizer pode me add no meu bog, ficarei honrada em telo como amigo aqui.

Andrea Alvares Conceição disse...

Querido,vc escreve muitissímo bem,maisa essas diferenças existem,pq ñ somos iguais,indempendente de sermos maduros ou ñ,e mais ñ diria "maduros" mais diria que somos experientes,rsrsrs,e que é bom começar cedo sim,alias quanto mais cedo melhor,explendido o "incompleto",gostei de sua visão que busca uma explição,para as respostas da vida,pq mesmo os que ñ tem um conhecimento universitaria,tem o conhecimento da vida,que alias meu querido,dito por mim,"É A MELHOR ESCOLA"
Bjus anjo Dhéa.